Imigrante indocumentado é preso por sequestro e estupro de garota de seis anos no Texas

A vítima foi encontrada por policiais depois que um morador ouviu os gritos de desespero da menina e acionou as autoridades de Forth Worth

edis-moya-alas
Edis se recusa a cooperar com as investigações

A polícia de Forth Worth (Texas) prendeu Edis Moya Alas, 36 anos, pela acusação de sequestrar e estuprar uma menina de seis anos de idade. O pai da menina disse que percebeu a ausência da garota por volta das 5:00 a.m. de sábado (15) e quando a procurou pela casa, viu a porta da frente aberta.

Assim que ele comunicou as autoridades, os policiais iniciaram buscas nas imediações e ela foi encontrada oito horas depois, quando ouviram gritos vindo de uma área arborizada. Segundo as informações, um residente local ouviu os gritos e prontamente alertou os oficiais.

“Nós temos uma grande dívida para com o cidadão que escutou a menina gritar e nos informou a região em que ela estava”, disse o Capitão Devem Pitt, da polícia de Forth Worth.

Quando os policiais chegaram à área arborizada, eles viram o suspeito com a menina e em seguida o criminoso tentou fugir. “Ele se escondeu, mas não havia muito lugar para que ele corresse”, ressaltou Pitt.

O capitão relatou que amenina estava muito assustada e nervosa. “Obviamente ela não chegou àquele lugar sozinha”, continuou.

Quando efetuou a prisão de Edis, descobriu-se que ele é um imigrante indocumentado e não se sabe, ainda, se ele era conhecido a família da vítima. O Capitão disse que durante o interrogatório, o suspeito se recusou a colaborar com as investigações.

Depois do ocorrido, detetives da polícia passaram a segunda-feira (17) visitando todos os moradores da região e batendo de porta em porta para informar sobre a suposta agressão sexual. Eles tentaram determinar se Edis tinha algum relacionamento anterior com outras famílias que tem meninas.

Brianda Gomez e sua família fizeram parte da busca desesperada para encontrar uma garota desaparecida. “É claro que estamos com medo. Medo de ficar longe de nossas crianças “, disse em espanhol. “E se alguém levá-las?”, indagou.

A filha de Gomez, também chamado Brianda, descreveu o momento em que percebeu que a menina desaparecida foi encontrada segura. “Corri para dentro e disse: ‘Mãe, eles finalmente a encontram”, disse. “Nós corremos para fora e choramos e falamos: ” Obrigado, Deus, por ajudar”, continuou.

_________________________________________________________________

banner-danilo-brack

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s